COMO FAZER UM GRÁFICO DE PARETO UTILIZANDO O TABLEAU

Design sem nome (1)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest

Como fazer um Gráfico de Pareto utilizando o Tableau

O gráfico de Pareto é inspirado no princípio de Pareto, que também pode ser conhecido como a regra do 80/20. Ele é útil nas classificações gerais de problemas, erros, defeitos, processos, feedbacks de clientes etc.

Basicamente, significa que 80% dos problemas são ocasionados por 20% das causas, ou seja, são poucas causas que originam a maioria dos problemas.

Quem reparou nesta correlação fora Vilfredo Pareto em 1896, um engenheiro italiano que lecionava na Universidade de Lausanne em sua publicação “Cours d’économie politique”.

Seu gráfico costuma ter este formato:

Bom, vamos ver como reproduzir este mesmo conceito em um gráfico no Tableau:

Para este tutorial iremos utilizar a fonte de dados  Ocorrências Criminais – Sistema Sinesp, que pode ser encontrada neste link. Em especial iremos analisar a planilha fornecida para o estado onde a Áxe está localizada, Santa Catarina.

Se preferir pode baixar o arquivo em formato Excel diretamente através deste link

Em minha análise pretendo observar quais Tipos de Crime representam 80% das ocorrências, para que um gestor pudesse identificar ou adaptar sua estratégia de atuação nas ocorrências do estado.

Passos:

  • Coloque “Tipo Crime” em Colunas
  • Coloque “Valor considerado para Publicação no Portal Ministério da Justiça e Segurança Pública” em Linhas
  • Clique em Ordenar

Pronto, você deve ter uma visualização como esta:

Em detalhe o botão “Ordenar” mencionado. É importante ordenar do Maior para o Menor.

  • Adicione novamente o campo “Valor considerado para Publicação no Portal Ministério da Justiça e Segurança Pública” para Linhas, criando assim 2 gráficos
  • Clique com o botão direito do mouse acima do no campo e selecione “Cálculo de Tabela Rápido” > “Total Acumulado”
  • Clique novamente com o botão direito e selecione “Editar cálculo de tabela” e marque a opção “Adicionar cálculo secundário”
  • Na nova aba que se abriu, selecione então “Percentual do Total”

  • Clique sobre o Eixo debaixo e selecione “Eixo Duplo”
  • Altere o tipo de gráfico para “Linha”
  • Altere o tipo de gráfico da outra marca para “Barra”

Se tudo correu como previsto você deve ter a seguinte visualização:

Nossa visualização está praticamente pronta, vamos para os ajustes finais.

  • Arraste o segundo campo de “Valor considerado para Publicação no Portal Ministério da Justiça e Segurança Pública” para a marca Rótulo
  • Clique com o botão direito em cima deste e altere a formatação do número para “Percentagem”

Ótimo, agora já sabemos que “Furto de Veículo” e “Roubo de Veículo” representam 81% de todas as ocorrências registradas.

Mas como descobrir quanto estes dois tipos de crimes representam do total de crime?

  • Crie um campo calculado chamado “% do Total de Crimes” e insira esta fórmula nele
    • INDEX()/SIZE()
  • Coloque o novo campo na visualização sob a marca “Dica de ferram.”
  • Formate o tipo do campo para “Percentagem”

Pronto, agora basta editar as Dicas de Ferramenta (Tooltip) para que facilite a leitura e teremos nosso gráfico de Pareto demonstrando 22% dos tipos de ocorrência correspondem à 81% das ocorrências registradas.

 

Eu fiz alguns ajustes e o meu resultado final está logo abaixo. Caso queira, você também pode baixar a pasta de trabalho.

 

Qualquer dúvida pode entrar em contato comigo também

Lucas Araujo
Analista de Dados na ÁXE | tecnologia

Tem mais alguma dúvida? 

Se sim, envie um e-mail para comercial@axetecnologia.com.br, ficaremos felizes em ajudá-lo. 

SOBRE A ÁXE

Revenda Oficial da Tableau e do SAP Business One, a ÁXE Tecnologia se destaca na implementação de soluções que atuam em processos de negócios com recursos de governança, aumentando a produtividade das empresas clientes. São produtos inovadores, que conciliam tecnologia, pessoas e dados.

Inscreva-se e fique por dentro de nossos conteúdos

Compartilhe com seus amigos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Deixe um comentário